Pular para o conteúdo principal

COVID-19 e os Povos Indígenas

"Toda essa destruição não é nossa marca, é a pegada dos brancos, o rastro de vocês na terra"

Davi Kopenawa Yanomami

Povo Munduruku traduz informações sobre Covid-19 para língua nativa

Atribuição é da Sesai, órgão vinculado ao Ministério da Saúde, mas devido à demora, indígenas fizeram a própria tradução.

A Associação Wakoborun de Mulheres Munduruku traduziu informativos de prevenção para a língua nativa. O documento é compartilhado com os indígenas nas aldeias via WhatsApp e também por meio de rádios. 

Maria Leusa, 33 anos, é liderança Munduruku do Alto Tapajós, em Jacareacanga, sudoeste do Pará. No momento, ela está sem acesso aos parentes nas aldeias, porque os indígenas estão isolados para se proteger da pandemia da covid-19, assim, ela considera urgente levar informações sobre a prevenção da doença para esses territórios.

"Eu não estou conseguindo chegar, mas estou conseguindo comunicar via WhatsApp, mandando esse informativo traduzido para as aldeias, tentando ajudar o nosso povo, para eles entenderem, com a tradução dessas cartilhas, como devem se prevenir", explica.

https://www.brasildefato.com.br/2020/03/31/para-enfrentar-coronavirus-povo-munduruku-traduz-informacoes-para-lingua-nativa?fbclid=IwAR35__zlklAAyg4ipyGCg3mjfLF3UdZeLeiG4oKcQr8kfIpL3UVCJqwFc7M

foto: Maria Leusa Munduruku, liderança indígena, discursa no evento Amazônia Centro do Mundo (Lilo Clareto / ISA)

The website encountered an unexpected error. Please try again later.